2515: Gambão em Molho de Gengibre com Arroz de Cardamomo e Canela

– Em tempos de contenção económica devido aos vários assaltos perpetrados e executados quer por parte do actual governo, quer de fornecedores de bens essenciais, esta refeição com Gambão Argentino nem se pode considerar um luxo ou se justifica pela época que atravessamos. Porque em anos passados, não existindo restrições nem racionamentos económicos, comia-se cá em casa Gambão, camarão, gamba, ou outros mariscos em qualquer altura do ano, sem olhar a festejos de calendário. Este Gambão 20/30 que estava a € 12,99/kg, comprei-o em saldo a € 9,74, custando-me estes bicharocos €5,67 em vez de € 7,56 se estivessem a preço normal. E não, isto não é nenhuma justificação pelo marisco que hoje preparei porque não tenho de dar satisfações a ninguém. Apeteceu-me escrever. Simplesmente.

ingredientes

Ingredientes:

– 600 g de Gambão Argentino 20/30
– 2 chalotas
– 2 colheres de sopa de azeite
– 2 colheres de sopa de açúcar amarelo
– sumo de limão q.b.
– coentros q.b.
– 3 dl de água (para o molho)
– 250 g de arroz basmati
– 4 sementes de cardamomo
– 1 pau de canela
– 1 colher de chá de gengibre moído
– 5 gotas de tabasco
– sal q.b.

cook-check

Preparação:

01.- Descongele os camarões e tempere com sal e sumo de limão. Aqueça a água e reserve.

02.- Descasque e pique as chalotas e amoleça-as, ao lume, numa frigideira com azeite. Junte o gengibre e deixe refogar durante 3 minutos em lume médio, mexendo. Adicione o açúcar, a água quente e deixe ferver.

03.- Reduza o lume para brando, junte os camarões ao caldo, tempere com o tabasco e deixe cozinhar durante 6 minutos, virando-os a meio do tempo. Repita o processo até terminar os camarões, reservando os que já escalfou numa assadeira tapada com papel de alumínio, para não arrefecerem.

04.- Deixe o caldo ferver durante 10 minutos, até que reduza para metade e fique mais espesso. E, por fim, adicione 1 colher de chá de sumo de limão e rectifique o tempero de sal. Sirva os camarões com o molho, acompanhados com a guarnição de arroz basmati cozido em água aromatizada com cardamomo e o pau de canela, polvilhando com coentros frescos picados.

– o arroz basmati, fi-lo no robot TM 31 (Bimby) pelo modo e tempos para este tipo de produto. O pau de canela na preparação deste arroz, sinceramente não apreciei embora adore o gosto da canela. Prefiro o cravinho ou a noz-moscada.

 

000-tempo-transp± 40′  000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, baseada e adaptada de uma receita publicada no site Pescanova.

[vasaioqrcode]

 

© 27.Dez.2018

cropped-logonew03_transp.png

 

1 Obrigado, Thank you

2263: Arroz de Ervilhas com Gambão Selvagem

ingredientesIngredientes:

– 100 g de ervilhas congeladas
– Gambão Argentino Selvagem q.b.
– 250 g de arroz agulha
. 100 g de cebola em cubos congelada
– 1 colher de sopa de alho picado congelado
– 200 g de tomate em cubos congelado
– 100 g de pimentos tricolor em tiras
– 1 dl vinho branco
– piripiri q.b.
– açafrão das Índias q.b.
– coentros frescos picados q.b.
– sal e azeite q.b.

cook-checkPreparação:

01.- Retire o Gambão Argentino Selvagem do congelador, coloque-o num recipiente com água temperada com um bom punhado de sal e deixe repousar durante 60 minutos. Depois coza-o em água fervente durante 6 minutos. Retire, escorra e reserve. Aproveite a água de cozer o gambão para cozer as ervilhas (cerca de 8 minutos depois de a água levantar novamente fervura). Escorra e reserve.
02.- Num tacho ao lume, deite o azeite a cobrir o fundo, deixe aquecer, adicione a cebola e o alho e deixe refogar. Junte o piripiri, os cubos de tomate e adicione o vinho. Deixe evaporar um pouco, adicione a água em proporção superior à quantidade de arroz para que este fique “malandrinho” e tempere com sal. Quando a água ferver, adicione as tiras de pimentos, o arroz e o açafrão.
03.- A meio da cozedura, junte as ervilhas, e deixe terminar o tempo de cozedura do arroz. Quando arroz estiver cozido, coloque por cima o gambão, apague o lume, tape o tacho e deixe repousar durante 5 minutos.
04.- Polvilhe depois com coentros picados e sirva de imediato.

00-pratoprincipal
000-tempo-transp± 40′ 000-econo-transp económico 000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

[vasaioqrcode]

Informação:

– Uma preparação d’ A Cozinha do Avô Chico, baseada e adaptada de uma receita publicada no site Pescanova.

© 05.Fev.2017

cropped-logonew03_transp.png

[SlideDeck2 id=20588]

[yasr_visitor_votes size=”medium”]

[powr-hit-counter id=75ef4cf2_1486303891628]

 

0

2260: Gambão Argentino Selvagem Tikka Masala

ingredientesIngredientes:

– 8 unidades de gambão argentino selvagem 20/30
– 1 iogurte com aroma de coco
– 1 colher de sopa de coentros picados
– molho Patak’s Original Tikka Masala Indian Style Curry Sauce
– 1 colher de chá de alho moído
– 1 + 1 colheres de sopa de azeite
– 1/2 dl de água
– sal marinho q.b.

cook-checkPreparação:

01.- Descongele o gambão em água fria com dois punhados de sal. Quando estiver descongelado, leve ao lume uma panela com água e deixe levantar fervura. Introduza o gambão e deixe cozinhar não mais que 5 minutos. Retire do lume, escorra e reserve.
02.- Num recipiente, coloque o azeite juntamente com o alho moído, o molho Tikka Masala e envolva muito bem. Numa taça, junte o gambão, o preparado anterior, os coentros, o iogurte e envolva até o gambão ficar bem coberto com o molho. Leve ao frigorífico e deixe marinar de 30 a 60 minutos.
03.- Num tacho ao lume, deite uma colher de sopa de azeite, a água, adicione o gambão com a marinada, tape o tacho e deixe apurar em lume médio.
04.- Retire o tacho do lume, coloque o gambão numa travessa, polvilhe com coentros picados e sirva de imediato com um mix de brócolos, cenoura e couve-flor cozidos.

00-pratoprincipal
000-tempo-transp± 25′ + tempo marinar 000-econo-transp económico 000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

[vasaioqrcode]

Informação:

– Uma preparação d’ A Cozinha do Avô Chico.

© 01.Fev.2017

cropped-logonew03_transp.png

[SlideDeck2 id=20588]

[yasr_visitor_votes size=”medium”]

[powr-hit-counter id=3411aafc_1485971991833]

0

2257: Noodles com Gambão Argentino ao Gengibre


ingredientesIngredientes:

– 500 g de Gambão Argentino
– 100 g de brócolos
– 1 colher de sopa de alho picado congelado
– alho moído q.b.
– 200 g de noodles
– 200 g de cebola em cubos congelada
– sumo de limão q.b.
– 1 colher de sopa de m olho de soja
– 2 colheres de café de gengibre ralado
– cebolinho, coentros e azeite q.b.
– sal q.b.

cook-checkPreparação:

01.- Descongele o camarão, descasque deixando a cauda e tempere com sal, sumo de limão, alho picado, gengibre ralado, cebolinho e coentros picados. Deixe marinar por 25 minutos.
02.- Coza as cebolas com os brócolos até ao ponto al dente. Coza os noodles em água e sal no ponto al dente.
03.- Cubra o fundo de uma frigideira anti-aderente grande com azeite, deixe aquecer ligeiramente, deite alho picado, deixe alourar 2 minutos, escorra os camarões da marinada deixando as ervas aromáticas, o alho e o gengibre, e disponha-os na frigideira sem sobrepor. Salteie os camarões em lume médio, 3 minutos de cada lado, aproximadamente.
04.- Retire os camarões da frigideira, deite os noodles, os brócolos e a cebola, junte um fio de azeite e o molho de soja, envolva bem para misturar os sabores. Junte os camarões aos noodles, envolva por 2 minutos e sirva de seguida.

00-pratoprincipal
000-tempo-transp± 35′ 000-econo-transp económico 000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

[vasaioqrcode]

Informação:

– Uma preparação d’ A Cozinha do Avô Chico, baseada e adaptada de uma receita publicada no site Pescanova.

© 26.Jan.2017

cropped-logonew03_transp.png

[SlideDeck2 id=20588]

[yasr_visitor_votes size=”medium”]

[powr-hit-counter id=da8e5ff1_1485446635286]

0

2246: Gambão Argentina Selvagem com Molho de Espumante


ingredientesIngredientes:

– 500 g de Gambão Argentina Selvagem Congelado 20/30
– 1 chávena de espumante
– 200 ml de natas
– 1 gema de ovo
– 25 g manteiga
– sumo de lima q.b.
– sal e pimenta de misturas q.b.

cook-checkPreparação:

01.- Sendo o camarão congelado, prepare um recipiente com água fria, adicione dois punhados de sal e mexa até que o sal se dissolva. Adicione o camarão e deixe descongelar. Leve então o camarão a cozer na água onde esteve a descongelar, nunca devendo passar os 5 minutos, caso contrário, fica seco e tipo borracha. Assim que a cozedura esteja feita retire imediatamente o camarão, escorra-o, tempere com o sumo de lima e pimenta de misturas e reserve.
02.- Num tacho ao lume, verta o espumante, deixe aquecer , junte depois a manteiga e espere que esta derreta.
03.- Entretanto e numa tigela, bata as natas juntamente com a gema de ovo.
04.- Junte este preparado ao espumante e deixe cozer até que esteja quente (sem deixar ferver). Adicione os camarões, envolva e deixe apurar, em lume brando, mais 3 minutos. Retire e sirva de imediato com rodelas de limão.


000-tempo-transp± 25′ 000-econo-transp económico 000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

Informação:

– Uma preparação d’ A Cozinha do Avô Chico, baseada numa receita publicada no site Pescanova

© 31.Dez.2016

cropped-logonew03_transp.png

[SlideDeck2 id=20588]

[yasr_visitor_votes size=”medium”]

[twitter_buttons display=tweet,follow,hashtag,mention]

[powr-social-media-icons id=e3b8e62e_1480170101]

[powr-hit-counter id=73d1ccd4_1483205998853]

0

2244: Gambão Argentino Assado com Arroz Selvagem

.ingredientesIngredientes:

– 1 kg de gambão argentino selvagem 20/30
– 200 g de arroz selvagem
– 1 colher de sopa de alho picado congelado
– sumo de limão q.b.
– tomilho q.b.
– azeite q.b.
– 2 colheres de sopa de sementes de sésamo
– piripiri q.b.
– sal q.b.

cook-checkPreparação:

01.- Tempere o gambão com sal, piripiri, sumo de limão, alho picado, tomilho e deixe marinar durante 15 minutos. Ligue o forno a 200ºC.
02.- Cubra o fundo de um tabuleiro refractário com azeite, espalhe o tomilho e o alho por cima. Disponha o gambão com casca, espalhe por cima metade da marinada, e leve ao forno durante 15~20 minutos (depende do tipo de forno).
03.- Torre as sementes de sésamo numa frigideira anti-aderente sem gordura.
04.- Coza (preparei-o na Bimby) o arroz selvagem em água temperada com sal, 4 cravinhos e tomilho. Quando estiver cozido, escorra, junte as sementes de sésamo torradas e sirva com o gambão salpicado com sumo de limão e tudo regado com o molho de azeite de assar o gambão.

00-pratoprincipal
000-tempo-transp± 40′ 000-econo-transp económico 000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

[vasaioqrcode]

Informação:

– Uma preparação d’ A Cozinha do Avô Chico, baseada numa receita publicada no site Pescanova.

© 25.Dez.2016

cropped-logonew03_transp.png

[SlideDeck2 id=20588]

[yasr_visitor_votes size=”medium”]

[twitter_buttons display=tweet,follow,hashtag,mention]

[powr-social-media-icons id=e3b8e62e_1480170101]

[powr-hit-counter id=c9eb7bd9_1482681893464]

0

2138: Moqueca de Gambão Argentino

MoquecaGambaoArgentino02c

0-ingredientes2_150Ingredientes:

– 600 g de gambão argentino selvagem 20/30 (€ 8,99/kg))
– 1 dente de alho picado
– 2 colheres de sopa de azeite
– 100 g de cebola em cubos
– 1 colher de sopa de óleo de palma (azeite de dendê)
– piripiri q.b.
– ½ pimento verde
– ½ pimentão vermelho
– ½ pimento amarelo
– 200 g de tomate em cubos
– 350 ml de leite de coco
– 2 colheres de sopa de coentros frescos picados
– sumo de 1 lima
– 70 g de farinha de mandioca
– sal e pimenta de misturas q.b.

0-producao200Preparação:

01.- Descasque os camarões e rejeite a tripa. Coloque as cabeças e as cascas num recipiente e reserve. Tempere o miolo de camarão com sal, o alho picado e pimenta. Misture tudo e regue com o sumo de lima. Deixe tomar gosto durante 20 minutos. Prepare um Fumet com as cabeças e cascas do camarão, introduzindo-as no copo da Bimby, cubra tudo com água e programe 5 Min., Temp. 100ºC, Vel. 4. Depois de terminado o programa, coe o caldo num passador, retire 125 ml de caldo e reserve.
02.- Num tacho ao lume, deite o azeite, deixe aquecer, junte o camarão e salteie-o até que este ganhe cor. Com uma escumadeira, retire o camarão para uma tigela e reserve. À gordura que ficou no tacho, adicione o óleo de palma, a cebola, o piripiri, o tomate e os pimentos vermelho, verde e amarelo, cortados as tiras. Tempere com sal e deixe refogar em lume forte durante 10 minutos. Quando os pimentos amolecerem, adicione os 125 ml do caldo, mexa e quando começar a ferver, adicione o leite de coco. Deixe ferver durante 3 minutos, junte os coentros picados, o camarão, mexa e deixe ferver em lume médio durante 5 minutos e quando tudo estiver apurado, retire com uma escumadeira o camarão, os pimentos e com uma colher, metade do molho.
03.- À outra metade do molho, adicione aos poucos a farinha de mandioca torrada e mexa energicamente. Caso o pirão (*) esteja muito grosso, acrescente mais um pouco do caldo de camarão. Deixe cozinhar o pirão durante 1 minuto e retire.
04.- Sirva a moqueca e o pirão acompanhados de arroz branco ou Arroz de Coco.

00-pratoprincipal
000-tempo-transp 50’+20′ marinar 000-econo-transp semi-económico 000-dific-transp trabalhoso

[metaslider id=24139]

– Por motivo de falta de apoio das marcas contactadas, deixarei de mencionar marcas de produtos nas minhas receitas.

Reportagem foto/vídeo:


Moqueca de Gambão Argentino by Apok@lypsus

[vasaioqrcode]

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, baseada numa receita publicada no Site Saborintenso

1.- A moqueca (do quimbundo mu’keka) ou poqueca (do tupi po’keka) é um cozido típico da culinária brasileira, especialmente dos estados do Espírito Santo, Bahia, Pernambuco e Pará. Pode ser preparado com ingredientes como peixe, marisco, galinha e ovo.

2.- (*) Pirão é um prato tradicional das culinárias de Angola e do Brasil feito à base de farinha de mandioca.
O termo “pirão” procede do termo tupi mindipi’rõ, que significa “ensopado”. O pirão é uma papa de farinha de mandioca feita quando se mistura esta com água ou caldo quente. No Brasil, o pirão pode ser preparado com diferentes tipos de caldos. O pirão mais comum é feito com a mistura da farinha de mandioca com a água em que foram cozidos peixes, formando uma papa viscosa que é comida como acompanhamento do prato principal.

© 04.Jun.2016

0-assinatura002
logo04062016_300

[SlideDeck2 id=22307]

[yasr_visitor_votes size=”medium”]

[twitter_buttons display=tweet,follow,hashtag,]

0