2554: Cuscuz com Legumes Salteados

ingredientes

Ingredientes:

– 200 g de cuscuz
– 300 g de água a ferver
– 1 colher de sopa de alho picado
– 100 g de cebola em argolas
– 300 g de juliana de legumes
– 400 g de mix mediterrâneo (¹)
– sumo de limão q.b.
– alho moído q.b.
– 1 colher de chá de açafrão-das-índias
– 1 colher de chá de pimentão-doce
– manjericão, orégãos e tomilho q.b.
– 1 colher de sopa de azeite
– 1 colher de sopa de molho de soja
– flor de sal e pimenta preta q.b.

– (¹) O Mix Mediterrâneo é composto por feijão verde, pimento vermelho, cebola, cogumelos e brócolos.

cook-check

Preparação dos cuscuz:

01.- Num recipiente, deite os cuscuz, o alho moído, manjericão, açafrão-das-índias, pimentão doce e o azeite. Dissolva uma pitada de flor de sal na água a ferver e verta a água sobre os cuscuz. Mexa rapidamente, tape o recipiente, cubra com um pano de cozinha e deixe repousar 15 minutos. Terminado o tempo, destape o recipiente e solte os cuscuz com a ajuda de uma colher de pau. Tempere com um fio de azeite, sumo de limão e envolva de novo.

Preparação dos legumes:

02.- Numa frigideira larga ao lume, deite duas colheres de sopa de azeite, deixe aquecer, adicione o conteúdo da embalagem, sem descongelar. Refogue por 9 minutos, em lume médio, mexendo sempre. Tempere a gosto e reserve.

03.- Num wok, deite azeite a cobrir o fundo, o alho picado, a cebola e deixe refogar até a cebola ficar macia. Adicione a juliana de legumes, uma pitada de açafrão, de pimentão-doce, de manjericão, tomilho, orégãos, tempere com molho de soja, pimenta e deixe saltear, em lume forte até os legumes ficarem al dente. Junte depois ao wok o mix mediterrâneo, envolva suavemente e apague o lume.

04.- Regressando aos cuscuz, destape o recipiente, deite-os sobre os legumes salteados, envolvendo tudo e sirva de seguida.

000-tempo-transp± 30′  000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

INFORMAÇÃO DO YOUTUBE: Os vídeos do YouTube estão disponíveis em diversos formatos e resoluções. No entanto, alguns navegadores não suportam os formatos de vídeo ou as opções de qualidade mais recentes. Como tal, nesses navegadores poderão estar disponíveis apenas uma ou duas opções relativas aos formatos de vídeo. Para obter a melhor experiência de visualização, recomendamos que actualize o navegador ou o sistema operativo.

Estas são algumas das combinações de navegadores e sistemas operativos que suportam formatos de vídeo de alta qualidade do YouTube:

    • Google Chrome (todos os sistemas operativos)
    • Microsoft Edge
    • Safari em Mac OS X 10.10 ou mais recente
    • Firefox em Windows 7 ou mais recente e em Mac OS X 10.10 ou mais recente

Este vídeo foi gravado em FullHD e no Firefox Quantum 65.0 a resolução apenas apresenta 360p o que contraria a falsa informação do Youtube.

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação d’ A Cozinha do Avô Chico.

© 15.Fev.2019

1 Obrigado, Thank you

2551: Potas Grelhadas à Provençal

ingredientes

Ingredientes:

– potas congeladas q.b.
– batatas q.b.
– 1 colher de café rasa de ervas de Provence
– 1 colher de sopa de alho picado
– 1 folha de louro
– azeite q.b.
– pimentão-doce q.b.
– tomilho, alho moído e alecrim q.b.
– sal marinho e piripiri q.b.

cook-check

Preparação:

01.- Descongele as potas, lave-as bem em água corrente e limpe-as. Separe os tentáculos das potas do saco. Num tacho ao lume, deite o azeite, deixe aquecer, adicione as potas, os tentáculos e grelhe até ficarem macias.

 

02.- Entretanto, lave muito bem as batatas em água corrente, dê-lhes um golpe na diagonal e coloque-as, com a casca, num recipiente de ir ao forno. Polvilhe-as com sal marinho, pimentão-doce, tomilho, alecrim, alho moído e regue tudo com azeite. Leve-as ao forno (utilizei o convector de halogéneo a 200ºC, durante cerca de 30 minutos).

03.- Quando as potas estiverem grelhadas, tempere-as com um pouco de sal, junte o alho picado, o louro, as ervas de Provence, o piripiri e regue tudo com azeite, se necessário. Tape o tacho e deixe ferver durante cerca de 5 minutos, virando as potas de vez em quando.

04.- Terminado o tempo para assar as batatas, dê-lhes um murro e reserve. Sirva as potas com a guarnição das batatas assadas e regue tudo com o azeite onde grelhou as potas. Acompanhe também com uma mistura de Cuscuz com Quinoa e Vegetais.

000-tempo-transp± 45′  000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação d’ A Cozinha do Avô Chico..

© 10.Fev.2019

 

1 Obrigado, Thank you

Pequeno-almoço “científico”

– Não, não é nenhuma receita mas uma sugestão para um pequeno-almoço nutritivo e com bases científicas. Sim, científicas, porque ao contrário do que alguns médicos afirmam que ovos provocam problemas cardíacos, aumento de colesterol, blá, blá, blá, sigo o que os meus Avós diziam há mais de sessenta anos atrás que pode-se comer de tudo, sem exagero. Mas agora também tenho a confirmação por quem percebe da poda, através de um novo estudo conduzido na Escola de Saúde Pública e Nutrição Clínica, da Universidade da Finlândia Oriental, divulgado na publicação académica American Journal of Clinical Nutrition (Jornal Americano de Nutrição Clínica): um ovo por dia só faz é bem, já que contribui para reduzir em mais de um terço o risco de vir a desenvolver diabetes tipo 2 no futuro.

E a Associação Americana da Diabetes (ADA) admite que sim, por ser rico em proteína que sacia e demora a digerir, impedindo os açúcares de atingirem níveis perigosos para um diabético. Mais: ovos contêm biotina (ou vitamina B7), que ajuda a converter o que comemos em energia e a compensar o facto de o pâncreas dos diabéticos de tipo 2 não produzir insulina suficiente para controlar as quantidades de glucose na corrente sanguínea. Tudo bons motivos para a ADA indicar os ovos como uma das fontes proteicas que mais aprova, embora o estudo finlandês estabeleça o limite ideal em quatro por semana, não mais do que isso. Artigo este publicado no meu Blogue Portal da Saúde.

E quem sou eu para denegrir toda esta informação? Então hoje, para começar – não todos os dias, mas dia-sim, dia-não -, fiz o meu primeiro almoço com bases científicas, com uma tosta de ovo e um expresso – que também cientificamente está provado que faz muito bem a todo o sistema (também e quando não em excesso) -, que passo a discriminar de seguida.


ingredientes

Ingredientes:

– 1 ovo M
– umas gotas de molho de soja (evita o uso do sal)
– pimenta branca, alho moído, gengibre em pó e salsa picada q.b.
– 1 palito de delícias do mar
– 1 colher de café de margarina líquida
– duas fatias de pão de forma
– uma forma em aço inoxidável para hambúrgueres

Preparação:

01.- Num recipiente, bata o ovo temperado com o molho de soja, salsa, alho moído, gengibre, pimenta, adicione o palito de delícias do mar cortado em fatias finas e envolva.

02.- Numa frigideira anti-aderente ao lume (placa de indução a 200W~60ºC), coloque o anel de aço, no meio deite a margarina líquida, deixe derreter e verta o batido do ovo.

03.- Com a ajuda de uma espátula de silicone, vá soltando a mistura do ovo em redor do anel, para não colar.

04.- Quando vir que está pronto na base, retire o anel e com a espátula, vire o que passarei a chamar de hambúrguer de ovo, para o outro lado a fim de terminar a fritura. Coloque-a no meio das fatias de pão de forma e, se tiver na altura em stock, insira também uma folha de alface e uma rodela de tomate. Acompanhe com um expresso acabadinho de sair do máquina de café.

000-tempo-transp± 10′  000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação d’A Cozinha do Avô Chico..

© 02.Fev.2019

 

1 Obrigado, Thank you

2531: Ovos Mexidos com Chouriço e Batatas Viúva

– Em primeiro lugar, não considero uma receita mas um petisco improvisado para aqueles dias em que não me apetece preparar uma refeição mais trabalhada, por cansaço ou outras situações que fazem baixar a paciência para a cozinha. Depois, as batatas viúva, não sei qual a origem desse nome mas extraí de uma receita em espanhol que passou num vídeo publicado no Facebocas, onde entravam este tipo de batatas e apenas preparei-as do que me lembrei ter visto. Resultado: uma refeição ligeira, saborosa e sem muito trabalho.


ingredientes

Ingredientes:

– 3 ovos
– 6 batatas médias
– 1/2 dl de polpa de tomate com manjericão e orégãos
– alho moído, paprika, cominhos q.b.
– tomilho, orégãos, louro moído q.b.
– 1 chouriço de carne corrente
– margarina q.b.
– azeite q.b.
– 100 g de cebola em cubos
– 1 colher de sopa de alho picado
– 1 cubo tempero alho, louro e pimentão
– óleo para fritar q.b.
– 1 colher de sopa de salsa fresca picada
– sal marinho e tabasco q.b.

cook-check

Preparação:

01.- Descasque, lave, escorra, corte as batatas em quartos pequenos e tempere-as com sal marinho. Tire a pele ao chouriço, corte-o em rodelas e reserve. Ligue o lume com a fritadeira e deixe aquecer o óleo (não utilizei a Actifry porque levaria mais tempo, embora o resultado fosse mais saudável). Quando o óleo estiver quente, deite as batatas no cesto e deixe fritar até ficarem lourinhas. Escorra-as, coloque-as numa travessa com papel de cozinha absorvente e reserve.

02.- Num wok ao lume com azeite, junte o cubo tempero, o alho, a cebola, a salsa e deixe refogar até a cebola ficar macia. Adicione depois a polpa de tomate, envolva e deixe cozinhar durante 3 minutos. Tempere com as ervas aromáticas e as especiarias e mexa muito bem para envolver.

03.- Junte ao wok as batatas fritas, envolva no refogado e deixe tomar sabor durante 3 minutos, em lume brando, mexendo de vez em quando. Entretanto, coloque ao lume uma frigideira com a margarina, deixe derreter, adicione os ovos previamente batidos e temperados com sal, as rodelas de chouriço e mexa até os ovos ficarem num ponto semi-sólido.

04.- Retire os ovos da frigideira para o prato, junte as batatas viúva e saboreie este petisco simples que serve como refeição principal.

000-tempo-transp± 30′  000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus.

© 18.Jan.2019

1 Obrigado, Thank you

2526: Alheira com Ovos Mexidos

– Como a alheira que tinha no frigorífico já estava quase a terminar o prazo de validade, tive de engendrar uma coisa muito simples para também aproveitar os pastéis de bacalhau da receita anterior.

ingredientes

Ingredientes:

– 1 alheira
– 4 Ovos
– 100 g de cebola em rodelas
– ½ dl de azeite
– cebolinho e tomilho q.b.
– cominhos e salsa q.b.
– alho moído q.b.
– 1 cubo tempero alho e coentros
– sal e pimenta q.b.

cook-check

Preparação:

01.- Retire a pele à alheira e corte-a em pedaços. Leve ao lume uma frigideira com o azeite, o cubo tempero, deixe aquecer, junte a cebola e deixe refogar um pouco até amolecer.

02.- Adicione a alheira à frigideira e deixe cozinhar até se desfazer, mexendo frequentemente.

03.- Num recipiente, bata os ovos, tempere com sal, alho moído, salsa picada, tomilho, cominhos e pimenta, adicione à frigideira e deixe cozinhar, mexendo sempre, em lume médio.

04.- Por fim, polvilhe com cebolinho picado e sirva acompanhado com fatias de pão caseiro (acompanhei com pastéis de bacalhau da receita anterior).

000-tempo-transp± 25′  000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus.

© 13.Jan.2019

1 Obrigado, Thank you

2522: Bifanas de Cebolada e Cerveja

– Hoje, a receita que trago a este Blogue, são de umas simples Bifanas de Porco de Cebolada e Cerveja que, segundo está mencionado no site da Teleculinária, faz parte das receitas fáceis para Totós. Leram bem e se seguirem o link abaixo, verão que é verdade (estive agora a rever e parece que já retiraram esta parte, mas o que eu escrevi é verdade, podem crer!). Gostaria também que a Teleculinária publicasse umas receitas para quem não é Totó. Não que me considere um Chef porque não tenho estatuto para isso, mas também estou muito longe de ser Totó. Contudo, tenho de concordar que existem Totós que se julgam Chef’s e Chef’s que são uns verdadeiros Totós…



ingredientes

Ingredientes:

– 600 g de bifanas de porco
– 200 g de cebola em rodelas
– 1 colher de sopa de alho picado
– 200 ml de passata de tomate com manjericão e orégãos
– 1 cerveja (33 cl) Coruja (₁)
– 0,5 dl de azeite
– 1 cubo de caldo culinário
– 1 folha de louro
– paprica q.b.
– alho moído q.b.
– sal e piripiri q.b

(₁) American Amber Lager
Cerveja produzida a partir de: Água de Leça do Balio; Maltes de cevada do tipo Pilsener, Carared e Chocolate, Vienna; Lúpulos Cascade, Ekuanot, Ella; Levedura Lager. (Tem direito a PUB porque me foi oferecida para provar.)

cook-check

Preparação:

01.- Arranje as bifanas de porco e tempere-as com a paprica, a folha de louro, o alho moído, a cerveja, sal e piripiri. Envolva e deixe marinar durante 20 minutos (ou mais).

02.- Leve ao lume um tacho com o azeite, deixe aquecer, junte a cebola e o alho e deixe refogar até a cebola ficar macia.

03.- Adicione ao tacho as bifanas com a marinada, a passata de tomate e o caldo de carne, rectifique os temperos, tape e deixe cozinhar durante 20 minutos, mexendo de vez em quando.

04.- Retire o tacho do lume e sirva decorado a gosto. Pode acompanhar com uma guarnição de batatas Salardaise (²).

(²) As Batatas (Pommes) Salardaise são pré-fritas com gordura de pato (menos colesterol que manteiga), ervas aromáticas, deliciosas, à venda num determinado hipermercado, que necessitam de terminar a fritura no micro-ondas por cerca de 8 minutos~900W.

000-tempo-transp± 30′  000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, baseada e adaptada de uma receita para Totós, publicada no site Teleculinária.

© 09.Jan.2019

 

1 Obrigado, Thank you

2507: Rolo de Carne Recheado

– Em alguns supermercados, existem rolos de carne recheados, temperados e prontos a cozinhar. Para quem pretenda uma refeição rápida, sem ter de mexer em tachos e panelas, esta é uma de várias soluções. Aproveitei um saldo deste tipo de alimento. adicionei batatas e foi ao forno. Nada de especial, mas económico.

ingredientes

Ingredientes:

– 1 rolo de carne de bovino recheada com queijo e fiambre (600 g)
– 750 g de batata nova para assar

Ingredientes para o tempero:

– azeite q.b.
– 3 colheres de sopa de massa de pimentão
– 1 colher de sopa de mostarda de Dijon
– 1 ½ dl de vinho branco
– alho moído, estragão, alecrim, aneto, tomilho, cominhos e paprika q.b.
– sal marinho e pimenta branca q.b.

Preparação:

01.- Unte o fundo de um tabuleiro refractário com azeite.

02.- Num recipiente, junte todos os ingredientes do tempero e misture tudo muito bem. Ligue o forno a 180ºC.

03.- Coloque o rolo de carne no tabuleiro, à volta disponha as batatas com um golpe na diagonal e verta o molho de tempero por cima do lombo e das batatas.

04.- Leve ao forno e deixe assar durante 40 minutos, dependendo do tipo de forno utilizado. Retire, fatie o lombo e sirva de imediato.

E sai mais uma dose de Aletria Doce sem Ovos

000-tempo-transp± 50′  000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus.

© 15.Dez.2018

cropped-logonew03_transp.png

1 Obrigado, Thank you

2481: Noodles com Frango e Champignons de Paris

ingredientes

Ingredientes:

– 1 peito de frango
– 250 g de champignons de Paris (ou outros) 🙄
– 250 g de Noodles
– 100 g de cebola em rodelas
– 1 colher de sopa de alho picado
– 100 g de alho francês em rodelas
– 1 dl de polpa de tomate com manjericão e orégãos
– azeite q.b.
– 1 cubo tempero alho e salsa
– 1 colher de sopa de molho de soja
– 1 colher de sopa de mostarda de Dijon
– 2 colheres de massa de pimentão
– alho moído e paprika q.b.
– estragão, tomilho e alecrim q.b.
– vinho branco q.b.
– sal marinho e pimenta branca q.b.

cook-check

Preparação:

01.- De véspera ou horas antes de começar a confeccionar, corte o peito de frango em cubos pequenos, deite-os para um recipiente e tempere-os com sal, pimenta, massa de pimentão, alho moído, as ervas aromáticas mencionadas acima, cubra tudo com vinho branco, envolvendo tudo muito bem com a ajuda de uma colher e leve ao frigorífico.

02.- Na hora, coza os noodles de acordo com as indicações da embalagem (variam de marca para marca), escorra e reserve.

– Os noodles que utilizei, possuem uma forma diferente de cozinhar pois são noodles para wok. Mas a finalidade é a mesma. Se utilizar noodles convencionais, cozem-se, escorrem-se e reserva-se para depois juntar ao tacho.

03.- Num tacho ao lume, cubra o fundo com azeite, junte o cubo tempero, a cebola, o alho picado, o alho francês e deixe refogar até a cebola ficar macia. Adicione depois a polpa de tomate e deixe cozinhar durante 3 minutos, mexendo de vez em quando.

04.- Adicione ao tacho os champignons e os cubos de frango com a marinada, tempere com o molho de soja, a mostarda, envolva tudo muito bem e deixe cozinhar até o frango ficar douradinho e os champignons macios, mexendo com frequência. Junte depois os noodles ao preparado do tacho e deixe cozinhar de acordo com as instruções da embalagem. Deixe repousar um pouco e sirva de seguida.

000-tempo-transp± 30′  000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação exclusiva de Apok@lypsus.

© 16.Nov.2018

cropped-logonew03_transp.png

0

2466: Frango no Tacho com Macarronete de Vegetais

ingredientes

Ingredientes:

– 500 g de macarronete de vegetais (tricolor)
– 2 peitos de frango
– 200 ml de passata de tomate com manjericão e orégãos
– 100 g de cebola em cubos
– 3 dentes de alho
– 1 cubo tempero alho e coentros
– azeite q.b.
– vinho branco q.b.
– pimentão-doce, alho moído e cominhos q.b.
– tomilho, estragão e alecrim q.b.
– flor de sal e pimenta preta q.b.

cook-check

Preparação:

01.- De véspera ou no dia, corte os peitos de frango em tiras e depois em cubos pequenos, deite-os para uma tigela e tempere-os com sal, pimenta, alho moído, pimentão-doce, cominhos, tomilho, estragão, alecrim, vinho branco e envolva tudo muito bem até ficar uma mistura homogénea. Leve ao frigorífico até à altura de confeccionar a receita.

02.- Coza a massa em água fervente, temperada com sal e um fio de azeite, durante 10 minutos (ou pelo tempo indicado na embalagem), escorra e reserve.

03.- Num tacho ao lume, deite o azeite a cobrir o fundo, junte a cebola, o alho previamente laminado, o cubo tempero e deixe refogar até a cebola ficar macia. Adicione depois a passata de tomate, envolva e deixe cozinhar durante 3 minutos em lume médio, mexendo de vez em quando.

04.- Junte ao tacho os pedaços de frango com a marinada, envolva no refogado e deixe cozinhar até o frango ganhar cor, mexendo regularmente. Finalmente, adicione a massa aos poucos, envolvendo no preparado do frango. Não utilizei a massa toda, por isso é conveniente ir juntando aos poucos até ficar uma mistura equilibrada ou então cozer menos massa. O resto da massa que sobrou, servirá para outra refeição. Depois da massa envolvida com o frango, se estiver seco pode adicionar um pouco de água quente e deixe em lume baixo, com o tacho tapado, durante mais 3 minutos para a massa ganhar sabor. Sirva de seguida.

000-tempo-transp± 45′   000-econo-transp económico   000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

– O foto-vídeo da receita será aqui colocado em breve.

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação exclusiva de Apok@lypsus.

© 21.Out.2018

cropped-logonew03_transp.png

0

2456: Molho de Natas

– Nos tempos que correm, não para todos mas para alguns, não se pode desperdiçar sobras de refeição anterior e não, esta não é uma receita mas o aproveitamento de sobras do Frango no Forno com Cerveja e Batatinhas Assadas com Ervas Aromáticas de ontem, ao qual se adicionou um Molho de Natas.

ingredientes

Ingredientes:

– 200 ml de natas light
– 1 colher de sopa de mostarda
– 1 colher de chá de alho moído
– 1 colher de sopa de coentros frescos picados
– flor de sal q.b.
– pimenta de misturas q.b.

Preparação:

01.- Numa tigela, deite as natas. a mostarda, o alho moído, os coentros, tempere com flor de sal e pimenta de misturas e envolva tudo muito bem até ficar uma mistura homogeneizada.

02.- Aos nacos de frango que sobraram da receita de ontem, acima referenciada, adicionei macarrão previamente cozido.

03.- Coloquei o preparado num Pyrex, reguei com o molho de natas e levei ao convector de halogéneo durante 10 minutos a 175ºC.

04.- Estava uma delícia…

000-tempo-transp± 20′ 000-econo-transp económico 000-dific-transp fácil

Reportagem foto-slideshow:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus.

© 07.Out.2018

cropped-logonew03_transp.png

0

2443: Arroz de Frango

ingredientes

Ingredientes:

– 400 g de arroz agulha
– 2 peitos de frango (850g)
– 1 chouriço de carne
– 200 g de cenoura baby
– 100 g de ervilhas
– 100 g de cebola em rodelas
– 1 colher de sopa de alho picado
– 150 g de polpa de tomate alho e cebola
– 1 dl de vinho branco
– 1 colher de chá de açafrão
– paprika q.b.
– alho moído q.b.
– 1 cubo tempero alho, louro e pimentão
– 3 dl de água
– azeite q.b.
– salsa fresca picada q.b.
– sal e pimenta q.b.

cook-check

Preparação:

01.- Tire a pele ao chouriço e corte-o em rodelas. Corte os peitos de frango em tiras e depois em pedaços mais pequenos. Tempere-os com sal, paprika, alho moído, pimenta e coloque no frigorífico até à hora de cozinhar.

02.- Leve ao lume um tacho com azeite, o cubo tempero, junte a cebola, o alho, o chouriço e deixe refogar ligeiramente. Adicione os pedaços de frango, o vinho branco e deixe cozinhar até a carne ficar pronta.

03.- Entretanto, coza a cenoura baby e as ervilhas e reserve. Adicione ao tacho as cenouras, as ervilhas cozidas, o açafrão, mexa e deixe tomar gosto durante 3 minutos, mexendo de vez em quando.

04.- Adicione, de seguida, a polpa de tomate, tempere com sal e pimenta, acrescente a água, deixe ferver, junte o arroz, reduza o lume e deixe cozinhar, tapado, durante 10 minutos ou até que o arroz esteja cozido. mexendo frequentemente. Polvilhe com salsa picada e sirva de seguida.

00-pratoprincipal

000-tempo-transp± 35′ 000-econo-transp económico 000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, baseada e adaptada de uma receita publicada site Teleculinária.

© 11.Set.2018

cropped-logonew03_transp.png

 

0