2342: Supremas de Bacalhau com Florete de Legumes

Há dois anos que não celebramos o Natal, porque sentimos a falta da nossa querida que nos deixou para sempre e que agora descansa em Paz. Por isso, estes dias passam como se dias normais de calendário fossem, sem qualquer significado mas com uma carga emotiva tremenda porque mesmo que tentemos passar ao lado da data, esta trás-nos recordações que fazem doer profundamente.

Mesmo assim, conseguimos fazer uns sonhos simples e umas fatias douradas, não para celebrar a data, mas em homenagem à nossa querida que, neste dia, andava sempre numa azáfama para que nada faltasse na mesa.

Para o jantar, fiz umas Supremas de Bacalhau com um trio de legumes cozidos.

0-assinatura002

logotransp300

[powr-hit-counter id=f3ff80d8_1514167404931]