2494: Alheiras Assadas no Forno com Batatas, Grelos Salteados e Ovos Estrelados

– A alheira é um enchido tradicional na culinária portuguesa. Os ingredientes principais são a carne de aves ou caça, o pão, o azeite, a banha, o alho e o colorau. Como já é tão bem temperada e tem gordura adicionada, basta levar a alheira ao forno, sem qualquer tempero que ficará óptima para servir em qualquer refeição.


ingredientes

Ingredientes:

– alheiras de caça q.b. (½ ou uma por pessoa)
– 200 g de grelos salteados com alho q.b.
– batatas q.b.
– ovos q.b. (um por pessoa)
– azeite q.b.
– ervas aromáticas q.b.
– sal marinho e pimenta q.b.

Preparação:

01.- Pique as alheiras com um garfo ou palito, dos dois lados, para que não rebentem. Coloque uma folha de alumínio em cima da grelha do forno e por cima disponha as alheiras.

02.- Ligue o forno a 200ºC (no meu caso, convector de halogéneo). e deixe assar as alheiras cerca de 30 minutos (15 minutos de cada lado) ou até que as alheiras fiquem cozinhadas.

03.- Entretanto, descasque as batatas, corte-as em gomos, coloque-as num Pyrex e tempere-as com sal, pimenta, pimentão-doce, alecrim, tomilho, orégãos e regue tudo com azeite, mexendo a fim de envolver as batatas e os temperos. Leve ao forno a 180º,C durante cerca de 30 minutos (dependendo do tipo de forno utilizado) ou até estarem douradinhas.

04.- Como os grelos já estão previamente salteados com alho (produto ultra-congelado), leve-os ao lume numa frigideira com 3 colheres de azeite e deixe descongelar, mexendo frequentemente. Estrele os ovos numa frigideira anti-aderente com um fio de azeite ou água e tem uma deliciosa refeição pronta.

000-tempo-transp± 40′  000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus.

© 30.Nov.2018

cropped-logonew03_transp.png

2

2493: Pudim de Bacalhau e Grelos Salteados com Alho

ingredientes

Ingredientes:

– 500 g de bacalhau lascado demolhado
– 750 g de grelos salteados com alho (*)
– 1 emb. de flocos para puré de batata
– 2 cebolas
– 1 colher de sopa de alho picado
– leite e noz-moscada q.b.
– 0,5 dl de azeite
– 2 ovos
– queijo ralado Mozzarella q.b.
– sal marinho e pimenta q.b.

cook-check

Preparação:

01.- Prepare o puré de batata a partir dos flocos, adicionando a água, leite, manteiga e noz-moscada e pelo tempo indicados na embalagem (diferem entre as várias marcas de flocos para puré de batata, ou se preferir, faça o puré convencional a partir de batatas cozidas).

02.- Descasque as cebolas e corte-as em meias-luas. Num tacho ao lume, deite o azeite e refogue a cebola e o alho. Junte depois as lascas de bacalhau, tempere com sal e pimenta e deixe cozinhar até ficarem cozinhadas. Apague o lume e reserve.

03.- Este tipo de grelos salteados com alho é um produto ultracongelado que pode ser preparado na frigideira adicionando 1 colher de sopa de azeite por cada 200g de grelos ou no micro-ondas durante 3 minutos. Ligue o forno a 180ºC.

04.- Num recipiente, bata os ovos. Ao tacho onde refogou a cebola, o alho e o bacalhau, adicione os grelos já preparados anteriormente e envolva bem. Ligue novamente o lume baixo e adicione o puré de batata e os ovos batidos, envolvendo tudo muito bem. Coloque o preparado num tabuleiro refractário, polvilhe com o queijo ralado e leve ao forno até gratinar. Sirva de seguida.

000-tempo-transp± 40′  000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus.

© 29.Nov.2018

cropped-logonew03_transp.png

0

2492: Fricassé de Frango

ingredientes

Ingredientes:

– 2 peitos de frango
– 200 g de cebola em argolas
– 1 colher de sopa de alho picado
– 3 gemas
– 300 ml de caldo de galinha
– 2 colheres de sopa de margarina
– 2 colheres de sopa de polpa de tomate com
manjericão, orégãos e alecrim
– sumo de limão q.b.
– 1 folha de louro
– salsa picada q.b.
– sal e piripiri q.b.

cook-check

Preparação:

01.- Corte os peitos de frango em pedaços. Num tacho ao lume, deite a margarina, a folha de louro, a cebola, o alho, a polpa de tomate e deixe cozinhar até a cebola ficar transparente.

02.- Adicione os pedaços de frango, mexa, junte o caldo de galinha e tempere com um pouco de sal e piripiri. Tape e deixe cozinhar, em lume brando, durante 30 minutos.

03.- Numa tigela, junte o sumo de limão com as gemas e mexa ligeiramente. Adicione ao frango, mexa e deixe ferver até engrossar.

04.- Retire do lume e sirva polvilhado com salsa picada e acompanhado com arroz branco ou massa cozida.

000-tempo-transp± 50′  000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, baseada numa receita publicada no site Teleculinária.

© 27.Nov2018

cropped-logonew03_transp.png

 

1 Obrigado, Thank you

2491: Ovos Verdes com Arroz Selvagem e Thai Jasmin

– Hoje, esta receita que toda a gente conhece, tradicional da cozinha portugiuesa, é uma sentida homenagem a minha falecida esposa que fazia uns ovos verdes de estalar a língua. E acompanhados com uma guarnição de Arroz Selvagem com Thai Jasmin que mais abaixo, em nota especial, se explica o que é e como se cozinha.

ingredientes

Ingredientes:

– 6 + 1 ovos
– 1 cebola
– 2 colheres de sopa de salsa fresca picada
– 20 g de margarina
– farinha de trigo q.b.
– pão ralado com ervas finas
– sumo de limão q.b.
– óleo para fritar q.b.
– sal marinho e pimenta de misturas q.b.

cook-check

Preparação:

01.- Coza os ovos em água temperada com sal durante 10 minutos depois de levantar fervura. Coloque os ovos numa tijela com água fria e deixe arrefecer ou leve-os ao frigorífico. Depois de frios, descasque-os e corte-os ao meio no sentido do comprimento. Retire as gemas cuidadosamente para não partir as claras.

02.- Esmague as gemas com um garfo, juntamente com a margarina, a cebola e a salsa picadas até obter uma pasta. Tempere com pimenta, sumo de limão e divida a pasta pelas cavidades das claras, calcando com cuidado para fazer aderir bem.

03.- Passe as metades dos ovos recheados por farinha, sacudindo o excesso, depois pelo ovo batido e finalmente pelo pão ralado.

04.- Frite os ovos em óleo quente e escorra-os sobre papel absorvente. Sirva de seguida com uma guarnição de mistura de Arroz Selvagem e Thai Jasmin. Pode ser considerado como uma entrada-petisco a solo, ou como refeição principal com uma guarnição.

000-tempo-transp± 40′  000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus.

Arroz Selvagem: o que é e como cozinhar

Apesar de ter “arroz” no nome, o arroz selvagem não se relaciona com o arroz asiático que conhecemos.

Ele é o grão que resulta do género Zizania, composto por quatro gramíneas diferentes.

É mais longo, castanho-escuro e tem uma textura de borracha na camada externa.

Como é a nível nutricional?

  • 100 g de arroz selvagem cozinhado fornecem:
  • 101 kcal
  • 21.34 g de Hidratos de Carbono
  • 0.34 g de gordura
  • 3.99 g de proteína
  • 1.8 g de fibra

É ainda uma boa fonte de Vitamina B3 e B6, magnésio, manganésio, fósforo e zinco.
Não tem glúten, sendo uma excelente opção para doentes celíacos ou pessoas que sofram de sensibilidade ao glúten não-celíaca.

Como cozinhar arroz selvagem?

A confeção é semelhante ao arroz normal, mas demora um pouco mais tempo por causa da camada externa do grão.

Convém misturar com outro tipo de arroz, como o arroz jasmim integral, e não consumir apenas arroz selvagem.

  • 100 g de Arroz Selvagem
  • 100 g de Arroz Tahi Jasmin
  • 2 colheres de sopa de cebola picada
  • 1 colher de sopa de azeite
  • 200 + 200 ml de água
  • 1 folha de louro
  • sal marinho q.b.

01.- Descasque e pique finamente a cebola. Coloque-a num tacho, juntamente com 1 colher de sopa de azeite, e cozinhe, em lume médio, até ficar translúcida;
02.- Adicione o arroz selvagem e envolva no azeite. Junte então o dobro da quantidade de água e deixe levantar fervura. Reduza o lume e tape.
03.- Passados 7 minutos, acrescente o arroz jasmim integral e o dobro da quantidade de água quente. Junte 1 folha de louro e tempere com sal. Depois de levantar fervura, tape e deixe o lume no mínimo até o arroz ficar cozido.

© 26.Nov.2018

cropped-logonew03_transp.png

1 Obrigado, Thank you

2490: Bacalhau à Moda de Lafões

– Esta receita foi adaptada da original por razões económicas e outras. As batatas foram preparadas à parte do bacalhau por preferência pessoal. Quem pretender seguir o original, tem o link directo para o site da Teleculinária.


ingredientes

Ingredientes:

– 500 g de bacalhau demolhado desfiado
– 500 g de batatas
– 2 ovos batidos
– 4 chalotas
– 1 colher de sopa de alho picado
– 3 dl de azeite + azeite em spray q.b.
– sumo de limão q.b.
– vinho branco q.b.
– sal e pimenta q.b.
– farinha e pão ralado aromatizado q.b.

Preparação:

01.- Descasque e lave as batatas e as chalotas. Corte as batatas em gomos finos. Escalde as lascas de bacalhau em água a ferver. Disponha-as numa tigela, tempere com o sumo de limão, sal e pimenta, passe-as depois por farinha, ovo batido e pão ralado.

02.- Aqueça o forno a 180ºC. Coloque as lascas de bacalhau num tabuleiro de barro, à volta disponha as chalotas e o alho. Regue com o azeite, o vinho branco e sumo de limão.

03.- Leve ao forno a assar durante 40 minutos, regando de vez em quando com o próprio molho (o tempo de assar depende do tipo de forno utilizado).

04.- Coloque os gomos de batata num Pyrex, tempere-os com sal, pimenta, pimentão-doce, tomilho, alecrim, estragão, regue tudo com azeite e misture bem. Leve ao forno (utilizei o convector de halogéneo) durante cerca de 30~40 minutos, mexendo de vez em quando. Quando o bacalhau estiver assado, retire do tabuleiro para o prato, pulverize com azeite e sirva decorado a gosto com a guarnição de batatas.

000-tempo-transp± 40′  000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, adaptada de uma receita publicada no site Teleculinária.

© 25.Nov.2018

cropped-logonew03_transp.png

 

1 Obrigado, Thank you

2489: Arroz Doce sem Ovos na TM31 (Bimby)

– Uma receita para os possuidores do robot TM31 mais conhecido por Bimby e que já publiquei neste Blogue várias vezes, durante anos. Para não andarem à “pesca” da receita, fica aqui novamente publicada (e não é para aumentar o número de posts, dado que não preciso dessas “subtilezas” porque não ando por aqui a concurrer a nada). É uma sobremesa muito agradável, cremosa, saborosa e excelente para quem não pode comer ovos.

ingredientes

Ingredientes:

– 1 lt de leite meio gordo
– 140 g de arroz carolino
– 150 g de açúcar
– 4 colheres de sopa bem cheias de farinha Custard
– 1 casca de limão
– 1 pau de canela
– 1 pitada de sal

Preparação:

01.- Deite para o copo do robot o leite, o arroz, a casca de limão, o pau de canela, o sal e programe 45 Min., Temp. 90ºC., Vel. Colher Inversa.

02.- Dissolva a farinha Custard num pouco de leite frio e reserve. Terminado o programa do robot, adicione ao copo o açúcar, a farinha Custard dissolvida no leite, mexa com a espátula e programe 10 Min., Temp. 90ºC., Vel. Colher Inversa.

03.- Retire para travessa ou taças individuais, deixe arrefecer e polvilhe com canela a gosto.

04.- Uma autêntica delícia e excelente para quem não pode comer ovos.

000-tempo-transp± 60′  000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus.

© 24.Nov.2018

cropped-logonew03_transp.png

0

2488: Folhados de Salsicha com Queijo

– Toda a gente sabe “fazer” estes folhados mas foi a primeira vez que utilizei massa folhada rectangular, ao passo que das vezes anteriores em que preparei estes folhados foi com uma massa quadragunlar de uma conhecida marca do mercado.

ingredientes

Ingredientes:

– 1 rolo de massa folhada rectangular
– salsichas pequenas de lata
– fatias de queijo fatiado q.b.
– 1 ovo
– pão ralado crocante com piripiri q.b.

Preparação:

01.- Retire a massa do frigorífico e deixe-a equilibrar à temperatura ambiente. Depois estenda-a sobre a bancada de trabalho.

02.- Escorra as salsichas, passe-as por água corrente e escorra novamente. Ligue o forno a 180ºC.

03.- Corte a massa ao meio, em comprimento, comece numa ponta colocando um quadrado de queijo e por cima uma salsicha. Não enrole, dobre a massa até cobrir a salsicha e a fatia de queijo e depois corte. Faça a mesma operação até acabar a massa (podem sobrar salsichas, no meu caso, sobraram duas).

04.- Bata bem o ovo. Com um pincel de silicone, pincele a massa em toda a superfície e polvilhe com o pão ralado. Disponha as unidades em cima do papel vegetal que acompanha a massa e estas sobre a grelha do forno. Leve ao forno durante cerca de 30 minutos, dependendo do tipo de forno utilizado. Retire e sirva de imediato com uma guarnição a gosto.

– Tanto pode servir como refeição principal, como um petisco.

000-tempo-transp± 45′  000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Reportagem foto:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus.

© 24.Nov.2018

cropped-logonew03_transp.png

0

2487: Nasi Goreng

Nasi Goreng, foi uma referência e sugestão, que publiquei neste Blogue no dia 4 de Junho de 2015. Na altura, tratava-se de uma refeição pré-preparada, congelada, à venda num conhecido supermercado. Experimentei, adorei e hoje trago-a ao “natural”, ou seja, preparada na hora, com todos os ingredientes da receita original, um prato típico da cozinha indonésia.


ingredientes

Ingredientes:

– 2 ovos
– 2 colheres de café de sal
– pimenta moída q.b.
– 1 colher de chá + 1 colher de sopa de azeite
– 200 g de arroz Thai Jasmin
– piripiri q.b.
– 2 chalotas
– 1 colher de sopa de alho picado
– 1 colher de sopa de molho de soja
– 100 g de miolo de camarão
– 200 g de bifes de peru
– 100 g de pimentos tricolor em tiras
– 100 g de alho-francês em rodelas
– cebolinho q.b.

cook-check

Preparação:

01.- Parta os ovos para uma tigela e tempere com uma colher de café de sal e um pouco de pimenta. Aqueça uma colher de chá de azeite numa frigideira anti-aderente, junte os ovos batidos e forme um crepe. Retire e reserve. Corte os bifes de peru em tiras finas e reserve.

02.- Coza o arroz em água temperada com uma colher de café de sal e, quando estiver cozido, escorra-o, passe-o por água e coloque-o por cima de um pano, espalhando bem.

03.- Pique as chalotas, junte o piripiri, o alho, o molho de soja e misture bem. Coloque ao lume um wok ou frigideira alta com o restante azeite e, quando estiver quente, introduza os ingredientes picados e deixe saltear 2 minutos. Adicione o miolo de camarão, as tiras dos bifes de peru e salteie até estarem corados.

04.- Adicione as tiras de pimentos, o alho-francês em rodelas, mexa e salteie mais 2 minutos. Adicione o arroz, envolva bem e deixe saltear tudo durante 3 minutos. Enrole o crepe, corte-o em tiras e junte-o ao preparado. Polvilhe com o cebolinho picado e sirva de seguida.

Nasi Goreng: Um dos mais típicos pratos da Indonésia, este arroz frito nasceu como forma de reaproveitar o arroz previamente cozido. Sirva a preceito, com pauzinhos!


000-tempo-transp± 40′  000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, baseada numa receita publicada no site do Pingo Doce. O arroz cozi-o no robot TM31 (Bimby).

© 22.Nov.2018

cropped-logonew03_transp.png

1 Obrigado, Thank you

2486: Bolo de Arroz

ingredientes

Ingredientes:

– 250 g de açúcar
– 2 ovos
– 75 g de margarina
– ½ colher de café de sal
– 150 g de leite
– 300 g de Farinha de Arroz
– 50 g de Farinha Custard
– 1 colher de chá de fermento
– 1 casca de limão

Preparação:

01.- Coloque no copo a casca do limão e programe 30 Seg., Vel. 5-7-10. Adicione depois o açúcar e programe 30 Seg., Vel. 5-7-10.

02.- Adicione a margarina, o sal, os ovos e o leite e programe 5 Min., Temp. 37ºC., Vel. 3. De seguida, junte a farinha de arroz (pode utilizar de trigo se preferir, mas deixa de ser Bolo de Arroz…), a farinha Custard e o fermento e programe 10 Seg., Vel. 4.

03.- Deixe ficar no copo, em repouso, durante 60 minutos. Findo o tempo de repouso, verta o preparado numa forma de chaminé previamente untada com margarina e polvilhada com farinha e polvilhe a superfície da massa com bastante açúcar para ficar tostado.

04.- Leve ao forno pré-aquecido a 180ºC., durante 30 minutos. Retire do forno, desenforme, deixe arrefecer e sirva de seguida.

000-tempo-transp± 40′ + 60′   000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Reportagem foto slideshow:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, já AQUI publicada há 10 anos atrás (07.Dez.2008).

© 21.Nov.2018

cropped-logonew03_transp.png

1 Obrigado, Thank you

2485: Recheio de Camarão para Rissóis

ingredientes

Ingredientes:

– 500 g de miolo de camarão
– 1 chalota
– 2 colheres de sopa de margarina
– 2 colheres de sopa de farinha de trigo
– 1 cubo tempero camarão
– 500 ml da água de cozer os camarões
– 2 gemas de ovo
– 1 colher de sopa de polpa de tomate com manjericão e orégãos
– sal e pimenta q.b.
– sumo de limão q.b.
– piripiri ou tabasco (usei tabasco) q.b.
– noz-moscada q.b.
– salsa picada q.b.

cook-check

Preparação:

01.- Pique bem a chalota e reserve. Coza o miolo de camarão em água temperada com sal, o cubo tempero camarão e um pouco de piripiri ou tabasco. Escorra o camarão e reserve a água.

02.- Num tacho ao lume, leve a refogar a margarina com a chalota picada. Quando a chalota estiver macia, acrescente a farinha e mexa. Junte a água (quente) de cozer o camarão aos poucos, mexendo sempre. Adicione a noz moscada, a polpa de tomate e dissolva até ficar uma mistura homogénea.

03.- Junte o miolo de camarão, as gemas e deixe ferver um pouco, mexendo sempre.

04.- Tempere com sal, pimenta e algumas gotas de sumo de limão, acrescente a salsa picada, mexa, retire do lume e deixe arrefecer para utilizar.

– Uma verdadeira delícia! As alterações à receita original, resultaram na perfeição, como tinha imaginado. Acompanhámos os rissóis de camarão com Noodles cozidos na água de cozer o miolo de camarão. Outra delícia!

000-tempo-transp± 30′  000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Reportagem foto/vídeo:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, baseada e adaptada de uma receita da autoria de Cristina Manso Preto, na Praça da Alegria – RTP1.

© 20.Nov.2018

cropped-logonew03_transp.png

 

0

2484: Rolinhos de Salsicha Panados com Mostarda

– A anterior receita de Rolinhos de Salsicha Panados, não tinham mostarda (há quem goste do sabor da mostarda e eu sou um deles) e a massa foi uma quase-desgraça conforme mencionei nessa receita. Depois de ver um vídeo de um programa da manhã da TV onde se produzem receitas, saquei a receita da massa para rissóis que, segundo afirmou a apresentadora, era infalível, não precisando de farinha nem no rolo nem na massa. Confirmo, porque hoje fiz essa receita da massa de rissóis e apliquei-a aos Rolinhos de Salsicha com Mostarda. Seguem as indicações e respectivas imagens em slideshow. Ah! E tive a colaboração da minha ajudante Vera que se dedicou a estender a massa,a passar os rolinhos pelo ovo batido e pelo pão ralado aromatizado. *****  😀

ingredientes

Ingredientes para a Massa:

– 500 ml de água
– 430 g de farinha de trigo (sem fermento)
– 1 pitada de sal
– 1 casca de limão
– 2 colheres de sopa de manteiga

cook-check

Preparação:

01.- Coloque ao lume um tacho com a água, a pitada de sal, a casca de limão e a manteiga. Quando ferver retire a casca de limão e retire do lume. Deite de uma só vez, a farinha no tacho e mexa rapidamente com uma colher de pau para a ligar.

02.- Coloque o tacho de novo ao lume e mexa a massa mais alguns segundos, até formar uma bola que se descola do fundo do tacho. Retire do lume, coloque a massa sobre o balcão de cozinha e deixe arrefecer um pouco (para que não se queime).

03.- Com a ajuda das mãos, amasse um pouco a massa para a trabalhar, até que se apresente lisa e elástica. Embrulhe-a em película aderente e deixe-a descansar um pouco sobre o balcão da cozinha.

04.- Vá retirando porções de massa que estica com o rolo da massa (não precisa de enfarinhar), coloque uma porção de recheio no centro, dobre e corte com um corta-massas ou com um copo. Repita a operação até esgotar toda a massa. Passe os rissóis (no meu caso, os rolinhos de salsicha) por ovo batido e pão ralado aromatizado e frite-os em óleo bem quente.

000-tempo-transp± 40′  000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Reportagem foto:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, a partir de uma receita de Cristina Manso Preto.

© 18.Nov.2018

cropped-logonew03_transp.png

 

0