166: Couscous com Legumes

O couscous é um cereal típico do Norte de África. Produzido a partir da sêmola do trigo duro, é um alimento muito versátil e rápido de preparar. Pode ser servido quente ou frio, como entrada, como salada, acompanhamento, prato principal ou até como sobremesa. É rico em selénio, fonte importante de antioxidantes que ajudam, entre outros aspectos, a reforçar o sistema imunitário. Também o potássio é um nutriente muito presente neste alimento, contribuindo, por exemplo, para regular a tensão arterial. É também uma fonte de vitaminas do complexo B.

Em termos de calorias, este alimento tem menor quantidade do que a quinoa ou o arroz. Uma chávena de couscous tem cerca de 176 calorias, enquanto outros cereais, como os que referimos, têm entre 200 a 250 calorias por chávena. Para além disso, o couscous é pobre em gorduras saturadas e rico em fibras, sendo considerado um alimento que pode ajudar a emagrecer. Não é aconselhado, por ser composto por trigo, a quem tenha a doença celíaca (intolerância ao glúten) e tem um maior índice glicémico face a outros cereais como o arroz integral e o consumo deste alimento não é, por isso, tão aconselhado, por exemplo, a quem tem diabetes.

ingredientes

Ingredientes:

– 150 g de champignons de Paris
– 200 g de juliana de legumes
– 100 g de cebola em cubos
– 80 g de margarina
– 2 colheres de sopa de azeite
– 1 cubo de caldo culinário
– 1 colher de sopa de molho de soja
– 1 copo de água a ferver
– 1 copo de água de couscous (250 g)
– sal marinho e pimenta de misturas q.b.

cook-check

Preparação:

01.- Coloque os couscous num prato de sopa (e não numa tigela). Como utilizei uma cafeteira eléctrica para ferver a água, só dissolvi neste momento o cubo na água e temperei com sal, pimenta e uma pitada de cominhos. Vá adicionando o caldo por cima dos couscous, a pouco e pouco, à medida que os vai mexendo com um garfo de cozinha, deixe-os depois repousar durante 5 minutos (o tempo dos couscous absorverem a água) e no final do tempo, separe os couscous com um garfo.

02.- Num tacho ao lume, coloque a margarina, o azeite, deixe aquecer, junte a cebola e deixe alourar. Adicione a juliana de legumes ao refogado e deixe saltear um pouco.

03.- Adicione de seguida os cogumelos ao refogado no tacho, tempere com molho de soja, (o molho de soja já contém sal), pimenta, tape o tacho e deixe estufar até os legumes estarem macios, mexendo de vez em quando.

04.- Disponha os couscous numa travessa ou prato de servir e quando os legumes estiverem salteados, espalhe-os sobre os couscous. Sirva de seguida como guarnição, no meu caso presente, dos hambúrgueres de soja, ou com o que mais gostar, desde peito de frango ao lombo de salmão, passando por uma simples omelete.

000-tempo-transp± 35′  000-econo-transp económico  000-dific-transp fácil

Reportagem foto/slideshow/vídeo:

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação d’ A Cozinha do Apokalypsus.

© 11.Ago.2019



 

1 Obrigado, Thank you, merci, gracias

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *